Dona da revista Fame, lançada há um mês em Portugal, morreu essa madrugada em Cascais

Por RALF FURTADO.

A empresária Marly Domingues, carinhosamente chamada de Babi, morreu nesta madrugada na cidade de Cascais em Portugal. Segundo parentes, ela veio a falacer enquanto dormia. Durante muitos anos ela foi responsável, ao lado do filho Augusto Neto, pela circulação da revista Fame em vários estados americanos, em Angola e na Europa.

LEIA TAMBÉM: Evento reúne astros e estrelas do cinema e da televisão em Lisboa

LEIA TAMBÉM: Dos dias 23 a 25 de maio tem a 1ª Expo Amazônia em Lisboa

LEIA TAMBÉM: Marcello Antony posa com a mulher em Portugal antes de se mudar

Marly Domingues durante o evento de lançamento de sua revista em Portugal. (Foto-RicardoPers)

Há pouco menos de um mês, Babi lançou em um belíssomo evento, a primeira edição portuguesa da sua revista Fame, recebendo autoridades e empresários num castelo de Cascais.

“Respeitamos a vontade de Deus”, disse Neto. “Ela estava feliz e com uma coisa ótima para lhe falar”, acrescentou. Em tempo: Babi faleceu antes de comunicar sobre fechamentos de contratos para a TV Manchete USA.

Eram os negócios que moviam Marly. A empresária sempre foi exigente em seus contratos, determinando que a qualidade de suas produções necessitava de publicidade à altura.

“Eu tinha a Babi como uma parente, alguém da família. A gente no exterior escolhe as pessoas que serão como família. A Babi era assim para mim”, disse o jornalista Beto Moraes, presidente do Grupo Manchete USA.

A filha de Marly, Nicky Bento, iniciou uma campanha online para arrecadar fundos para os serviços funerais de Marly Domingues.

Você pode acesar o link da GoFundMe clicando AQUI.

VIDA PT: Quais são as diferenças entre o português do Brasil e Portugal?

VIDA PT: Regras para votar, justificar ou transferir seu título para as próximas eleições

os mais lidos1455 times!

COMPARTILHAR